Home Artigos Justiça nega inventário por morte ocorrida em 1872 que envolveria área monumental